domingo, 31 de janeiro de 2016

Frase do Dia

Os anos ensinam muitas coisas que os dias desconhecem. ~Carol~



Super Bonder nas unhas?!?

Olá meninas! No post de hoje vim responder uma dúvida que muitas possuem: "Super Bonder nas unhas, pode ou não pode?" E a resposta é NÃO! 




Muitos blogs e afins ensinam a remendar unhas quebradas com papel higiênico e Super Bonder, e apesar de "funcionar", isso não é saudável. Além de provocar o ressecamento das unhas e das cutículas, essa super cola é um produto tóxico e, segundo a marca, não possui as certificações necessárias para ficar em contato constante com o corpo humano. 

"Mas eu tenho uma festa e uma unha quebrou! O que eu faço?"
Bom, o mais certo a se fazer seria cortar e lixar todas as outras, mas como eu também não iria querer fazer isso antes de um evento, você ainda pode usar a técnica do papel higiênico, porém substituindo o Super Bonder por cola de unha postiça



Ou... a boa e velha unha postiça! Já aconteceu comigo: um dia antes da minha formatura quebrei duas unhas, e para não ter que cortar todas, coloquei unhas postiças apenas nos dois dedos cujas unhas tinham quebrado e deu SUPER CERTO! Não descolou, ninguém reparou que era unha postiça e ainda fiquei com as mãos lindas!



"E misturar Super Bonder no esmalte para ele durar mais?"
Também não! Existem formas melhores de fazer o esmalte durar mais, como:

- Base

Acreditem, em pleno século XXI, ainda tem gente que não usa base antes do esmalte. A base não só faz seu esmalte durar mais (se for de boa qualidade! Algumas podem fazer o esmalte descascar ainda mais rápido), mas também protegem as unhas da "agressão' do esmalte.

As bases que até hoje mais me surpreenderam no quesito 'duração do esmalte' foram a 'Bonder - Orly' e a 'Hard as Nails - Sally Hansen'. Apesar de não terem um preço tãaao atrativo, valem cada centavo do investimento! Amo as duas!




- Top coat 

Pode ser um "extra brilho" , um esmalte incolor ou uma cobertura, a função é a mesma: retarda o esmalte descascado!



- Unhas Cariocas

Para quem não conhece, essa é uma técnica bem simples mas bem eficaz, que é limpar o esmalte da pontinha das unhas, para que ele demore mais pra lascar!



Por enquanto é só, gente! Espero ter ajudado! Qualquer dúvida, fiquem a vontade para deixa-las nos comentários! ~Carol~


quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

TAG: Redes Sociais

Oi, gente! Hoje eu e a Dan viemos responder a tag 'Redes Sociais', criada pelas Sisters Lellis, e que achamos muito legal, então esperamos que vocês gostem!



1 - Com qual idade você ganhou seu primeiro computador?

Carol: Acho que eu devia ter uns 12 anos...

Dan: Dos 12 para os 13 anos

2 - Primeira rede social que você começou a usar.

Carol: Creio que foi o MSN (sdds) haha

Dan: Email

3 - Tem alguma rede social que você acha que vai acabar por não ter mais público?

Carol: Com certeza! Bom, atualmente acho que a próxima a sumir será o skype (ou twitter!). Ainda vai durar mais uns aninhos, mas com certeza terá o mesmo (triste) fim que o orkut e o MSN! 

Dan: Concordo com a Carol. Eu acho que twitter e skype estão muito fracas, mas o vine está pior, então creio que seja a proxima a desaparecer (se é que já não desapareceu)

4 - Sente falta de alguma rede social que usava no passado?

Carol: Siim! MSN! Adorava mudar meu 'subnick', mandar emoticons e gifs... Sem falar no botão "chamar a atenção" que era a melhor coisa do mundo para pessoas impacientes e chatas como eu! hahaha

Dan: Como eu nunca fui de ter muitas redes sociais porque não tenho saco pra ficar atualizando toda hora e as que eu tenho já estou quase desistindo, a única que eu tinha e deixou de existir é o MSN, que não me faz muita falta, pelo fato de hoje em dia ter o whatsapp, que é muito melhor.

5 - Qual rede social é a mais bombada na sua opinião?

Carol: Acho que é o facebook. Não que seja a minha favorita, mas hoje em dia eu conheço pouquíssimas pessoas que ainda não tenham aderido a ele.

Dan: Facebook. Quer achar alguém? Vai no facebook que você com certeza vai achar

6 - Qual sua rede social favorita e a que menos gosta?

Carol: A favorita é o Snapchat (inclusive, fiz um post muito legal falando sobre ela) e a que eu menos gosto talvez seja o facebook. Tipo, eu gosto, mas sei lá, ele me cansa um pouco as vezes... hahaha

Dan: A que eu mais gosto é o whatsapp, porque eu sou uma pessoa que gosta muito de falar hehe! A que eu menos gosto é o twitter, só curti na época que era modinha!

7 - Já começou amizades através da internet?

Carol: Já! 

Dan: Sim

8 - Quais redes sociais você já usou hoje?

Carol: Facebook, Snapchat, Blogger, Whatsapp, Instagram, Youtube e Email 

Dan: Snap, Whats, Face, Youtube e Email 

9 - Por qual rede social você mais se comunica?

Carol: Whatsapp!

Dan: Whatsapp!

10 - Se pudesse mudar qualquer coisa em alguma rede social, em qual seria e o que mudaria?

Carol: Primeiramente colocaria a opção "selecionar todos" no snap, porque acho um porre ter que selecionar cada pessoa na hora de mandar um snap pra todo mundo. Depois colocaria a opção "chamar a atenção" no whats, por que essa história de "estar online" ou "visualizar" e demorar pra me responder me tira do sério! 

Dan: No snapchat, eu colocaria de volta os números na contagem de tempo de cada snap e tiraria as revistas e eventos da página do 'my history', que ficam carregando com o 3G, porque não tem mais a opção de dizer que "não quer ver" aquele evento (odiei essa atualização!). E no whatsapp, acho que não devia ter a opção de não deixar que as pessoas vejam a última vez que você entrou no whats!

Bom, gente, por enquanto é isso! Aproveitem e nos sigam nas redes sociais: @carol_amedore e @dani_amedore e nos contem qual é a rede social favorita de vocês! ~Carol e Dan~

Musicas "iguais"?! #3

Ae galeraaa! Mais um post "comparando" músicas com mesmo nome e escolhendo nossa favorita entre elas!

Não viu os outros posts?! Como assim?! (Aqui estão! #1 e #2)

Ok, já conhecemos o esquema então vamos às músicas!

1. Boys Boys Boys - Lady Gaga X Sabrina





Carol: Lady Gaga!
Dan: Sabrina! Não gosto da Lady Gaga!

2. Come And Get It - Selena Gomez X Krewella





Carol: Selenaaa!
Dan: Selena! A outra eu nem conhecia até 2 minutos atras! 

3. Confident - Demi Lovato X Justin Bieber






Carol: Puts... Nessa eu tive que pensar um pouco, mas escolho Justin!
Dan: Justin, sempre!

4. Don't cry your heart out - Amy Diamond X Cody Simpson





Carol: Amy Diamooond! Adoro essa músicaaa! Inclusive, ela apareceu no na minha ultima 'playlist do mês'
Dan: A da Amy é bonitinha, mas como conheço a do Cody a mais tempo, escolho a dele!

5. Happy - Pharrell Williams X Marina and The Diamonds





Carol: Marina linda divaaa! Por motivos de: adoro ela e não suporto mais ouvir a outra!
Dan: Marina! Não aguento mais a outra!

6. Lightning - Alex Goot X The Wanted





Carol: Ahhh mais um dilemaaa! Apesar de adorar TW, essa eu escolho Alex Goot! Sorry, guys!
Dan: The Wanted! Obviamente! Sempre! Com certeza!

7. Love me like you do - Justin Bieber X Ellie Goulding





Carol: Justin, com certeza!
Dan: Pode escolher as duas?!? Ok, apesar de amar o Justin... Ellie! 

8. Magic - Selena Gomez X One Direction X Coldplay







Carol: Aff, que difícil! Desculpa Sel, sua linda, mas acho que dessa vez eu vou de coldplay!
Dan: Sinto muito, galera! Gosto de todas, mas é coldplay sempre! 

9. Monster - Lady Gaga X Paramore





Carol: Lady Gagaaa! Uhhh que novidade, hien! haha
Dan: Paramore! Gosto muito dessa banda!

10. On my mind - Ellie Goulding X Cody Simpson





Carol: Mais uma que foi dificil de escolher! Uma foi amor a primeira vista e outra é amor antigo, mas enfim... Dessa vez eu vou de Ellie Goulding!
Dan: Ellie Goulding, as usual!

11. Paradise - Coldplay X Tove Lo





Carol: *chorando internamente por ter que escolher entre essas duas* Ai meu coração... Desculpa Tove Lo! Te amo, mas coldplay é coldplay!
Dan: Coldplay! Essa música é apenas uma das favoritas DA MINHA VIDA!

12. Problem - Ariana Grande feat. Iggy Azalea X Becky G feat. Will I am





Carol: Mesmo não sendo lá muito fã da Ariana Grande, nesse caso, eu escolho a música dela.
Dan: Detesto a Ariana, mas pasmem! Escolho ela! Mas a outra música é boa também.

13. Thinking Of You - Katy Perry X R.I.O.





Carol:  R.I.O! Sou louca por essa músicaaa!
Dan: Apesar de gostar da música da Katy... R.I.O!  Essa música é muito boa!

14. Wildfire - Borgeous X Kate Linn





Carol: Posso pular essa?!? Amo as duaaas!  Aff... Ok... escolho Kate Linn
Dan: As duas são MUITO boas, mas vou escolher Borgeous

15. Without You - David Guetta feat. Usher X Lana Del Rey





Carol: LANA RAINHA SUPREMAAA! 
Dan: David Guetta! Essa música me traz boas memórias! 

Bom, foi isso! Esperamos que tenham gostado!

Conhece outras músicas com nomes iguais?! Discordou de alguma das nossas escolhas?! Nos deixe saber nos comentários! ~Carol e Dan~




quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Frase do Dia

Curioso paradoxo: quando me aceito como sou, posso então mudar! ~Carol~


Dasafio: 6 meses sem make?!?

Olá meninas! Hoje, dia 27 de janeiro de 2016 vim contar para vocês (minhas "testemunhas") o desafio que eu propus para mim mesma, que é: ficar 6 meses (sim, S-E-I-S M-E-S-E-S) sem comprar maquiagem!!!



De onde veio essa ideia?
Bom, tem um blog chamado 'Um ano sem Zara', de uma menina que, basicamente, se propôs a ficar 1 ano sem comprar roupas. Sempre achei a ideia muito legal, mas não compro taaanta roupa assim para precisar fazer exatamente o mesmo. Então, me inspirei nisso e principalmente no fato de que eu PRECISO aprender a controlar minha compulsividade por comprar maquiagem. Eu já tenho MUITA coisa; bem mais do que uma pessoa normal precisa/consegue usar, e andei fazendo umas contas, e percebi que já gastei muito dinheiro com maquiagem. Não que eu não as use, pelo contrário! Uso cada um dos meu produtinhos. Mas mesmo assim, acho que preciso dar uma segurada nas compritchas...

O plano é: não comprar NENHUM PRODUTO NOVO, mas se algum produto que eu uso muito acabar (tipo base ou pó) eu compro outro igual para substituir, mas só! Pelo menos até o dia 27 de AGOSTO de 2016 (Senhooor, é muito tempooo! Estou sofrendo só de pensar!)

Bom, todo desafio tem que ter um bônus e um ônus, para o caso do desafio ser cumprido ou não, certo?! O meu vai ser: se eu comprar alguma make nova antes do dia 27/08/2016, terei que fazer uma limpa na minha coleção de maquiagem e me livrar de tudo o que eu nunca usei (e sim, tem muitas coisa, tipo batons e sombras que eu ainda não consegui usar), mas caso eu consiga (ou melhor, quando eu conseguir), me darei de presente QUALQUER item de maquiagem que eu quiser, independente de preço! Porque eu merecerei! hahaha

A cada 1 ou 2 meses (ou dependendo da necessidade) eu darei um feedback para vocês de como está sendo essa empreitada!

Vou consegui? Não sei!
Vou me esforçar? Com certeza! Mas se eu jacar eu prometo que venho contar para vocês! haha

OBS. Como meu aniversário está chegando, melhor eu esclarecer de uma vez: PRESENTES NÃO SÃO COMPRAS! Eu posso (e vou) pedir makes de presente para os meu pais, mas isso não quer dizer que eu desisti do desafio, ok?! Só temos UM aniversário por ano, deêm um desconto! hehe

Quer entrar nessa comigo? Me conte nos comentários (... e me deseje sorte!) ~Carol~

sábado, 23 de janeiro de 2016

Melhores de 2015

Oie gente! Hoje eu vim falar sobre as minhas coisas favoritas de 2015. Eu até falei para a Carol que não iria fazer esse post, porque o ano passou muito rápido, então parece que eu fiz o de 2014 a pouco tempo, mas como ano passado eu descobri coisas muito boas, precisava compartilhar com vocês!
OBS: A ordem é aleatória.
OBS²: Desculpem o atraso!

LIVROS
Ano passado eu não li muitos livros, mas os que eu li eu realmente gostei, por isso foi realmente difícil decidir quais colocar aqui. Eu mudei muito o meu estilo de leitura. Eu aprendi a tirar uma mensagem de cada livro que eu leio (ou pelo menos a maioria), coisa que antes eu não gostava de fazer. Eu não vou ficar explicando o que eu aprendi com cada livro porque eu acho que cada um deve tirar sua própria mensagem de cada um deles, mas as que eu achar mas importante eu vou citar.

1-  O Tempo entre nós


Gente esse livro não tinha como não estar aqui. Ele não é um dos que esta aqui por eu ter aprendido alguma coisa com ele, e sim porque eu queria muito ter escrito esse livro. Ele foi o único livro, da vida, que eu não li a sinopse antes de ler. E eu apenas digo que foi a melhor coisa que eu já fiz. Eu achava que e o livro ia falar sobre um assunto e acabou não sendo nada do que eu imaginava, porquê, foi muito melhor. Achei que a autora soube escrever muito bem o livro, pois, mesmo eu que no começo não entedia nada por não saber sobre o que se tratava, no final, consegui entender tudo, pois tudo se explicava, e confesso, até dar uma choradinha. Eu descobri que lá fora tem a continuação, mas não  traduziram aqui no Brasil, então o que me resta é esperar e rezar para que tragam para cá.
Ps. Se alguém for ler, super recomendo fazer o que eu fiz, vai mudar completamente sua leitura!

2- Isla e o final feliz


A verdade é que, eu não estava esperando muita coisa desse livro. Eu AMO a Stephanie Perkins, mas eu achei que dos três (Anna e o Beijo francês, Lola e o garoto da casa ao lado, e esse) ele acabaria sendo o mais fraco, mas não é que ele acabou me surpreendendo? No geral, eu não gosto de livros em que a menina é apaixonada por um menino que nem sabe a existência dela, e ela fica indo atras dele o livro todo tentando ser notada, e eu achei que fosse ser essa a história. Mas foi muito mais. Em alguma das resenhas que eu li sobre esse livro, a pessoa fala que adorou a mudança de cenário entre Nova York e França, e eu senti o mesmo! Sem falar que eu me identifiquei e aprendi muito com o Josh, que é um desenhista, mas as coisas que ele faz para realizar o sonho dele, me fizeram perceber que eu também tinha fazer o mesmo, porque se você quer uma coisa, você tem que correr atras dela! Como ele é desenhista, ele vive desenhando para treinar. O que eu acabei aprendendo com esse livro é que se eu quiser mesmo ser uma boa escritora, eu preciso estar sempre treinando minha escrita! Sem falar que eu gostei bastante da Isla, pois dos livros da Stephanie ela foi a que menos fez besteiras e me irritou! Recomendo muito!
Obs: Deu até para dar uma choradinha pois tem a participação do St. Clair e da Ana (essa cena foi maravilhosa demais, tive que chorar) e da Lola e o Cricket.

3- Simplesmente Acontece



Bom, quem me acompanha aqui no blog sabe que eu estava louca para ler esse livro. Eu descobri a existência dele assistindo o trailer do filme, e de cara, eu sabia que eu precisava ler, pois eu iria amar. E foi exatamente o que aconteceu. Quando eu peguei para ler, eu não fazia a ideia de que era contado por emails, cartas e mensagens, então eu fiquei um pouco com o pé atras, porque minha outra experiencia com livro desse jeito (As vantagens de ser invisível) tinha sido péssima! Porem, o livro foi passando e eu fui me apaixonando. O fato de ser contado desse jeito não muda nada em nosso entendimento do que esta acontecendo. O mais incrível desse livro é que, nós conhecemos os personagens principais crianças, e vamos vendo todo o amadurecimento deles ao longo de suas vidas. E acho que foi isso que mais me encantou no livro. Quando você acompanha a vida de uma pessoa assim, você consegue perceber cada erro e suas consequências, o que é desesperador, mas me fez tirar muitas lições para minha vida. Quando você chega na ultima pagina é quase impossível se separar daqueles personagens que você já ama tanto. Eu mudaria o final desse livro? Sim! Eu acrescentaria uma ultima frase, por eu ter sentido que faltou uma certa coisa para complementar o final, mas nada que tenha mudado o meu amor por esse livro. Recomendo MUITO! 

4- A Verdade Sobre Nós


Esse foi outro livro que entrou aqui por ter me ensinado algumas lições. Algumas mais obvias (do tipo: nunca minta sobre a sua idade) e outras mais profundas que eu mesma acabei concluindo. Eu sempre amei histórias com amores proibidos (mas os proibidos mesmo, não os do tipo o rico e a pobre), e quando eu descobri que se tratava de professor e aluna eu já corri para ler. Esse é outro livro contado em cartas, mas esse é bem diferente de Simplesmente Acontece, por que as cartas são escritas por apenas uma pessoa, e direcionada para apenas uma pessoa. A mesma coisa que eu disse anteriormente cabe aqui, apesar de ser contada desse jeito, ainda conseguimos entender tudo da história. A leitura em si é boa, pois é rápida e a escrita da autora é gostosa,mas o livro só entrou nos melhores de 2015 por causas das lições que eu tirei dele. Eu fiz minha mãe e minha irma lerem, e cada uma delas tirou uma lição diferente, então deixo para vocês lerem e me contarem depois quais foram as que vocês tiraram. A única coisa que eu mudaria é o final. Eu achei que para a história fez sentido, e até achei um bom desfecho, mas eu não fiquei completamente satisfeita. Quem leu sabe que é um final feliz, mas dava (na minha opinião) para ser mais feliz. Eu até que curti (hehe) ele, mas mesmo assim, eu esperava um final mais positivo, então fiquei meio chateada. Apesar disso, recomendo muito.

5- Eleanor and Park


Gente, o que falar sobre esse livro? Eu sinto que as minhas palavras nunca serão suficientes para descrever como eu gostei dessa leitura. Cada pagina eu me apaixonava e surpreendia mais pela escrita e pela história. Acho que todos já sabem que a Rainbow é a minha autora favorita, mas não sei se já cheguei a falar que esse é o meu livro favorito dela. A verdade é que: Eu não queria ler esse livro. Ele já estava na minha estante há algum tempo, mas pelo fato de estar muito modinha, eu não conseguia me animar para ler. Mas ai eu li Fangirl. E depois eu li o conto de natal Meias Noites. A partir disso eu tinha que ler mais, porque a escrita dela é incrível. Eu costumo falar que a Rainbow não é tão boa com histórias, mas a escrita dela faz você amar o livro. E, choquem, em Eleanor and Park eu nem liguei para escrita dela (apesar de, como sempre, ser muito boa), porque eu estava perdidamente apaixonada pelo Park (e pela Eleanor também, claro :) ). Eu também costumo dizer que a Rainbow é aquele tipo que pessoa que ou você ama ou você odeia. Serio. Eu AMO a escrita dela, mas eu fiz uma amiga minha ler um livro e ela simplesmente odiou a escrita. Por isso eu recomendo que, se for para ler um livro dela, comece por esse, porque ai você vai se apaixonar pela história, não ligar tanto para escrita, e dar uma chance para outros livros dela. Leiam, leiam, leiam!

FILMES
Ano passado eu vi bastante filmes bons também, mas acabou que os filmes que entraram aqui foram os que me marcaram bastante, alguns até de um jeito bem estranho.

1- Amor e Inocência


Esse filme me tocou de um jeito que fazia muito tempo que não acontecia. Eu nunca li nenhum livro da Jane Austen (apesar de estar louca para ler algum) por não gostar muito de livros de época, mas já assisti dois dos filmes dos livros dela (Orgulho e Preconceito, Razão e Sensibilidade), e gostei bastante da história de ambos. Eu já a admirava muito por ser uma autora muito conhecida com histórias ótimas, mas quando eu vi o filme que conta a história de vida dela, eu passei a ama-la. É inacreditável tudo que ela passou. Sério, eu admiro muito essa mulher. Eu sempre digo que prefiro morrer sozinha do que mau acompanhada, e foi exatamente isso que ela fez. Ela não casou com um cara simplesmente por casar, ela preferiu ficar sozinha do que sem a pessoa que ela realmente amava. Sem falar que tem umas frases no filme que eu até anotei de tanto que eu amei. Enfim, alem de descobri a história de vida da Jane Austen, ainda consegui me inspirar muito nessa mulher incrível. Assistam esse filme!

2- Missão Impossível

Bom gente, esse filme tem história. Para começar eu não assisti nenhum dos filmes anteriores. E mesmo assim eu entendi tudo (ou quase tudo) que acontecia. Na verdade eu só assisti ele porque eu e minhas amigas íamos sair para matar a saudades, e nós (como sempre) queríamos ir ao cinema. Elas sugeriram esse filme, e como eu amo cinema, eu fui mesmo sem ter visto os anteriores. Para começar que o filme é muito bom. Eu consigo resumir ele todo em uma frase: Nada é o que parece. Sério, desde a primeira cena, até a ultima, é só uma surpresa atras da outra. Você acha que vai acontecer uma coisa, mas acontece outra, acha que alguém é do bem, e acaba que a pessoa é do mau. E, eu não sei vocês mas eu adoro filme assim. Alem disso tem muita gente boa no filme do tipo Tom Cruise e  Jeremy Renner. E bom, posso ter amado o filme e tudo mais, porem a verdadeira razão de ele ter entrado para os melhores de 2015 foi graças a quantidade de risadas que eu dei no cinema por causa da minha amiga (Beijo Bia <3). Esse filme realmente me marcou! Recomendo bastante.

3- Medo


Gente, eu AMO esse filme. Sério, ano passado, eu descobri um grande amor meu: Amores Obsessivos. Eu adoro ler, assistir filmes, series e etc sobre esse assunto. Eu até brinco que vou fazer psicologia só para estudar isso. E nessa de ter descoberto esse amor, eu fiquei indo atras de coisas com esse assunto (e ainda estou, então se alguém tiver alguma dica, por favor deixe nos comentários) e bem na época eu vi um post do Buzzfeed, que indicava alguns filmes assim, e esse era um deles. Eu fiquei tão animada para ver que no dia seguinte (em plena semana de aulas) e já fui assistir o filme. E amei. Amei tanto que no final de semana eu consegui convencer a Carol a assistir comigo (de novo). A melhor cena é a que ele acaba de falar com o pai da Nicole, e começa a se bater (só vendo para entender). O final eu não amei tanto (apesar de sem bem adequado para a história), mas não mudou em nada o meu amor por ele. Recomendo MUITO!


MAQUIAGEM
Ano passado não foi um ano que eu tenha descoberto muitas coisas novas de maquiagem que eu tenha gostado tanto ao ponto de colocar aqui, então não vai ser muita surpresa os itens que eu escolhi.

1- Baby Lips



Ano vem, ano vai e algumas coisas nunca mudam. Uma delas é meu amor por Baby Lips. Eu não curto muito passar maquiagem (por pura preguiça) e eles são tão rápidos e práticos que não tem como não amar. Eu viajei recentemente e comprei vários, então foi bem difícil decidir o meu favorito, sem falar que agora lançou aqui no Brasil alguns com sabor, e obvio que eu já comprei. Mas, como eu tenho que escolher um acho que esse ano eu fico com o Grape Vine, que apesar de parecer um roxo escuro, não tem muita cor, o que eu achei perfeito.

2- The Colossal - Maybelline


Sim, mais um ano, e ele também continua nos favoritos! Gente, juro, não tem uma vez que eu passe rímel que eu não use ele. A verdade é que, eu começo sempre com ele, depois eu passo algum outro rímel, e no final, eu acabo com ele. As vezes eu passo só ele, e mesmo assim meus cílios ficam incríveis. Eu simplesmente amo esse rímel. O meu esta acabando, e eu já tenho mais dois, porque sem ele, realmente eu não vivo.

3- Batons - Wet n Wild


Quando eu viajei, eu comprei várias maquiagens (todas por ordens da Carol), mas especificamente esses batons eu não queria comprar. Já estava no fim da viagem, eu já tinha comprado muita coisa, o dinheiro quase acabando, e me chega a Carol falando para eu comprar dois batons. Eu fiquei com o pé atrás porque eu não conhecia a marca e por tudo que eu já falei, mas ela acabou me convencendo, e foi a melhor coisa que eu já fiz. Eu já usei ambos umas mil vezes e pretendo usar mais mais mil. Eu simplesmente AMO as cores deles. Descoberta do ano!

SERIES
Ano passado foi um ano que eu comecei a ver várias series, e todas eu gostei bastante, mas vou falar aqui só as minhas favoritas, se não ficaria muita coisa.

1- The Blacklist



Meu, eu nunca tinha ficado tão viciada em uma serie. Acho que meus amigos não me aguentam mais, porque eu fiquei um mês inteiro recomendando essa serie para cada pessoa que aparecia na minha frente. Eu descobri essa serie em um dia que ela estava passando na Globo. Eu não sou de assistir TV, mas o dia que estava passando eu estava ali no computador, e dando aquelas olhadinhas ocasionais na TV, e quando eu fui ver eu já estava assistindo o episodio inteiro e amando. E sim, era o episodio 4. Mas eu não estava nem ai! Eu sai da sala e fui direto assistir o primeiro. E depois o segundo. E quando eu fui ver eu já estava varando madrugadas assistindo essa serie. Eu gosto MUITO de series com policia, FBI, assassinatos, etc, então não tinha como eu não me apaixonar. Eu terminei recentemente a segunda temporada, e estou ( ainda) tentando decidir se irei continuar agora, ou esperar a terceira temporada sair inteira. Mas como o final da ultima foi meio "Ok, agora da para esperar um pouco para ver o desenrolar disso tudo", eu estou de boa. Recomendo muito mesmo!

2- Outlander



Essa foi outra serie que eu fiquei viciada. Eu descobri ela, um dia que eu estava meio sem nada para fazer, e fui dar uma olhada naquele blog da capricho Viciada em series, um post dela falando que essa serie era o Game of Trones para mulheres românticas, e achei  que ia odiar, já que não gosto de Game of Trones, mas eu li tudo que tava escrito e acabei me interessado, então eu salvei o nome para poder assistir um dia. Poucos dias depois, eu e a Chatoline estávamos procurando alguma coisa para assistir, mas só Deus sabe que é impossível a gente escolher alguma coisa, porque ela só quer ver coisa de terror e eu só quero ver romances. Nisso eu falei, "vamos assistir essa serie aqui, acho que vai ser boa". Obviamente ela não quis, mas eu coloquei mesmo assim. Nós assistimos dois episódios. No primeiro ela riu de tudo e todos e ficou p da vida por achar a serie péssima. No meio/final do segundo episodio ela estava dormindo. Enfim, a partir dai eu comecei a assistir todo dia (sozinha, claro) pelo menos um episodio (já era quase ferias), e eu acabei amando a serie. Eu sou apaixonada pelo Jamie, e estou aguardando ansiosamente a segunda temporada que sai só em Abril. Enquanto isso, para aguentar esperar, eu estou lendo os livros em que a série foi baseada, e até agora (estou bem no começo ainda) estou achando tudo bem igual. Eu e a Carol recomendamos muito! (Sério, a série é muito boa, não deixem que a Carol enganem vocês!) 

3- American Horror Story



Bom, para que me conhece deve ser uma surpresa ver essa serie aqui, já que eu sou uma das pessoas mais medrosas que já existiu, mas, para a surpresa de todos eu realmente eu estou gostando dessa serie! As temporadas falam sobre assuntos diferentes, então da para assistir fora de ordem. Até agora eu já assisti a primeira, a terceira e a quinta temporada, e a que eu mais gostei foi a terceira! As outras duas são muito boas, mas a terceira é a que menos me deu  menos"medo", a que teve mais "romance" e a que eu mais gostei do assunto (que no caso é bruxaria), por isso acabou sendo minha favorita, mesmo eu tendo amado mais alguns personagens da primeira (Tate e Violet <3) do que os da terceira. Eu disse "medo", porque quem assiste sabe que essa serie não da medo, na verdade, a abertura dela da mais medo do que os episódios em si. Esta mais para sinistro do que assustador. Eu também disse "romance" porque a verdade é não tem romaaaance. O máximo que tem é um casal bonitinho. A verdade é que as minhas temporadas favoritas são as que aparecem a Taissa Farmiga, mas na quinta ela não apareceu, e eu gostei MUITO (tirando a ultima cena, que eu achei bem inútil)!

Espero que tenham gostado! Comentem os seus melhores do ano! ~Dan~

sábado, 16 de janeiro de 2016

Artista da Vez - Shawn Mendes

Oie povo! Hoje eu vim fazer um post que eu amo fazer. Faz algum tempo que eu não vicio o suficiente em um artista ou em uma banda, então não tinha como fazer esse post, mas minha amiga Carol, me apresentou as musicas do Shawn Mendes, e quando eu vi, ele não saia mais do repeat, então não tinha como não falar dele aqui.


Foi meio difícil escolher só cinco musicas dele, porque as musicas dele são muito boas. SUPER recomendo!



1- Aftertaste
2- Life of the Party
3- Air (feat. Astrid)
4- Show You
5- Strings

Bom, foram essas! Ouçam e viciem como eu! ~Dan~

terça-feira, 12 de janeiro de 2016

The Hater Book Tag

Oie gente! Primeiramente, feliz 2016, e que todos vocês tenham um ano incrível! Hoje eu vim fazer (mais uma) tag para vocês! Normalmente as Tags que eu faço são para ficar falando sobre como eu amo um livro e tals, mas dessa vez (como vocês devem ter percebido pelo título da tag) eu vim falar sobre livros que eu não gosto, que é uma coisa que eu adoro fazer (Culpada!). Lets go.
OBS: Tudo que eu vou falar aqui é a minha opinião, se vocês não gostarem ou não  concordarem, tudo bem, mas respeitem!


1- Um livro que abandonei com gosto.


Charlotte Street. Gente, eu já falei varias vezes aqui que estava tentando/me forçando para ler esse livro por ele fazer parte da minha meta literária e por eu ter ouvido falar muito bem sobre ele. Mas eu desisti. Eu já comecei a ler duas vezes e nas duas eu não gostei do personagem principal (nem lembro o nome dele) pois achei as coisas que ele faz muito infantis para um cara com a idade dele. Sem falar que tem um pedaço que eu já li varias vezes e eu não entendo. Não sei se é uma tentativa de fazer aquilo de, colocar a cena agora para no final você entender a ligação, mas ficou confuso até demais, então não gostei. Eu pretendo um dia (bem distante) tentar ler de novo, mas, por agora, não vai rolar.

2- Um livro com protagonista babaca



A Rainha da Fofoca. Gente, eu não gosto do Luke desde o primeiro livro. Talvez seja pelo fato de uma certa pessoa chama Carol ter me dado spoiler, mas eu não fui com a cara dele desde o começo. Não me entendam mal, eu AMEI essa serie, porem eu sou e sempre serei Team Chaz apesar de ele não ser principal nos dois primeiros livros. Eu sempre achei as atitudes do Luke idiotas, mas até ai eu só não ia muito com a cara dele, porem, a partir do segundo livro eu passei a odiar ele e amar mais ainda o Chaz. Varias pessoas não gostaram do terceiro livro por ser bem diferente dos dois primeiros, mas eu amei toda aquela reviravolta, e isso que importa! (Beijinhos Carina).

3- Um livro com casal sem química


Química Perfeita. Que ironia, o livro chama química perfeita mas o que mais faltou foi química. Esse é outro livro que eu ouvi falar super bem e estava louca para ler, mas quando eu comecei eu me decepcionei. Na época em que eu tentei ler, estava começando aquela febre pelos YA (young adult), e eu tinha acabado de ler Belo Desastre (e amado), então procurei por um livro parecido. Eu já tinha ouvido falar bem do livro e gostado da sinopse então eu tentei ler. Decepção total. Primeiro que eu achei o livro mal escrito. Segundo que a história é totalmente clichê. Mas não aquele clichê que por ser um pouquinho diferente fica bom, um do tipo copiar colar. Eu tinha a impressão de já ter lido aquele livro de tão comum que era a historia. Sem falar que eu não gostei da personagem principal, achei ela muito chata e não senti química verdadeira entre os dois. Enfim, não sei se foi por ter ido com as expectativas muito altas, mas eu realmente não gostei do livro e não recomendo. :(
OBS: Até a capa desse livro eu odiei...

4- Um livro com título idiota.



O Presente do meu grande amor. Gente, não é que eu acho esse título idiota, é só que eu não gosto dele. Uma palavra que descreveria melhor é sem sentido. Ok, eu sei que é um livro de contos natalinos, mas o que esse nome tem a ver? Apesar de ter achado alguns contos bem ruins, eu amei a maioria (principalmente o da Rainbow, pois é o conto que fez eu amar ela). Mas eu não gostei do título, pois na minha opinião, o título tem que combinar com o livro, e esse não combina ou pelo menos, eu não consegui ver). Faltou criatividade.

5- Um livro com capa horrorosa.


Beijo das Sombras. Gente, alguma coisa me incomoda MUITO nessa capa. Eu não sou super fã das outras capas dessa serie (acho elas mais ou menos, para ser sincera, apesar de amar todos os livros), mas essa eu realmente não gosto. Olha essa menina que era para ser a Rose. A cara dela ta péssima. Acho que foi uma tentativa de fazer uma cara para dar medo, mas não rolou. Sem falar que esse cabelo na cara dela me da agonia. Não sei explicar, mas eu não gosto nem um pouco dessa capa.

6- Um livro com cansativa narrativa



Se eu ficar. Eu preciso admitir que eu fui ler esse livro com as expectativas altas por todo mundo estar falando tão bem, e pelo filme estar bombando tanto. Porem, foi a mesma coisa que A Culpa das estrelas. Eu AMEI o filme e não gostei (odiar é muito forte) do livro. Na minha opinião a Mia do livro é muito chata e o casal muito sem sal. Eu achei o casal fraco, as brigas sem noção e etc. Sem falar que o jeito que ela fez o livro ficou muito estranho. Tem horas que esse vai e vem do passado para o presente fica confuso. Ela pega memórias muito aleatórias e sem uma ordem cronológica, o que fez eu achar o livro muito cansativo. A história em si é boa, mas a escrita por si só não, e essa é umas das coisas que mais conta para mim quando vou classificar um livro. Enfim, a narrativa não foi boa, mas a história não é horrível, então leiam e me digam o que vocês acham.

7- Um autor aclamado que não achei tudo isso



OBS: Aqui pode ter algum spoiler, então se você não gosta/quer pule essa pergunta!
John Green. Eu sei que vocês devem estar querendo me matar, mas é a verdade. Eu não gosto de John Green. Já li dois dos livros dele (A Culpa é das estrelas e Quem é você, Alasca?) e não gostei de nenhum dos dois. Eu até acho que ele cria histórias bem, porém o meu problema com ele é na escrita. A coisa que mais pesa para mim na hora de classificar se um livro é bom ou não um livro é a escrita. E a dele me incomoda muito. Ele é uma daquelas pessoas que ama colocar metáforas nos livros dele, e eu sou uma das pessoas que não gosta delas. E também tem o fato de que ele sempre coloca alguma morte nos livros dele, o que na minha opinião, é apelativo. Eu pretendo ler outros livros dele (do tipo Cidades de papel, que eu até já comprei) mas eu sei que eu não vou gostar tanto por causa da escrita. Eu não estou dizendo que ele escreve mal, até porque se eu falasse isso estaria mentindo. O que eu estou dizendo é que o jeito dele escrever não faz o meu tipo. Porém eu recomendo que as pessoas leiam, porque as histórias dele normalmente são boas (tirando Quem é você, Alasca? que eu vou falar mais um pouco na próxima pergunta). 

8- O pior livro de todos os tempos


Quem é você, Alasca?. Gente, sendo sincera, eu tive vontade de colocar esse livro em todas as perguntas (tirando no da capa, porque eu gosto de algumas versões dela, incluindo a que vocês estão vendo, que é a minha favorita). Eu odeio esse livro. Antes dele, eu nunca tinha chegado a realmente odiar um livro. Quando eu comecei a ler, logo nas primeiras paginas eu já me arrependi, porque eu não gostei do Miles logo de cara. Nem um pouco. Alias, eu odiei ele. Sério. Ele é muito tonto, em um nível que chega a irritar. E tem a Alasca. Eu consegui odiar ela mais do que odiava ele. O jeito dela de agir me irritava muito. Já faz um tempo que eu li, mas eu lembro que eu sempre pensava "Meu, porque ele deixa eles fazerem ele de tonto?". Eu achei o jeito dos dois muito infantil e idiota para pessoas que estão na faculdade. E normalmente, quando um personagem é assim, durante o livro ele vai evoluindo, o que não é o caso de nenhum deles. Não tem nada que eu goste nesse livro. Eu já não estava gostando nada da história, mas ai o John Green conseguiu se superar quando no meio/fim do livro, ele faz uma coisa que até agora eu não entendi o motivo. Sério, se não tivesse acontecido isso eu não odiaria, só ia achar a história fraca/ruim. Porém, ele fez essa coisa, que para mim é até apelativa por ser uma característica já meio padrão dele, e consegue piorar tudo de vez. Sem falar que o "motivo que ele da" é muito fraco. Eu nem sei explicar o quanto essa leitura me entediou e me frustrou. E olha que eu não estava esperando muita coisa depois de ler A Culpa é das estrelas, que comparado com esse seria mil estrelas. Enfim, eu realmente odeio esse livro. Eu até acho que o John Green cria historias bem, como eu já disse na pergunta anterior, mas esse livro não deu para mim.

Bom pessoal, foi isso. Tentem não me matar por falar mal desses livros (principalmente os do John Green). Deixem nos comentários o que vocês acham deles. ~Dan~ 

sábado, 9 de janeiro de 2016

Playlist de Dezembro

Olá pessoaaas! Meu Deeeus, dá pra acreditar que essa é a última 'playlist do mês' de 2015?!? Passou muito rápido! Enfim, vamos às musicas mais ouvidas de dezembro!

She's crazy but she's mine - Alex Sparrow



Don't Worry - Madcon feat. Ray Dalton



On my mind - Ellie Goulding



Bloody Mary - Lady Gaga



Camiseta - Manu Gavassi



Love Yourself - Justin Bieber



One Night - Ed Sheeran



Aqueles Olhos - Dom M



Night of love - Jesse Spencer


Don't Cry Your Heart Out - Amy Diamond


(Ignorem os vídeos de qualidade ruim, a intenção é ouvir a música! hahaha)

Bom, espero que tenham curtido e que comecem 2016 com elas na cabeça! hahaha
Até os próximos posts! ~Carol~

sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

TAG: Série favorita

Olá pessoaaas! Bora começar o ano respondendo TAG?! E melhor ainda, sobre minha série favorita?! Espero que gostem!

1 - Qual sua série favorita?

American Horror Story 




2 - Como você conheceu a série?

Estava na casa de uma amiga e ela queria assistir algum filme ou série de terror, então achamos essa no Netflix e começamos a assistir!

3 - Qual temporada você está assistindo?



4 - Qual personagem você mais gosta e qual personagem menos gosta?

Bom, as temporadas dessa série são independentes (ou seja, a temporada seguinte não continua a história da temporada anterior) então tenho personagens que gosto e que "não gosto", respectivamente, em cada uma das temporadas 

1ª Murder House - Tate Langdon e Moira O'Hara
2ª Asylum - Lana Winters (vulgo Lana Banana) e Dr. Arthur Arden
3ª Coven - Zoe Benson e Madison Montgomery
4ª Freak Show - Elsa Mars e Dandy Mott
5ª Hotel - Mr. March e Condessa Elizabeth

OBS. Na verdade, esses não são personagens que NÃO GOSTO, mas sim que me irritam muito naquela temporada! 

5 - Qual foi o acontecimento mais marcante na série até agora?

Quando a Elsa (Jessica Lange) cantou Gods and Monsters da Lana Del Rey na 4ª temporada. Quase chorei de tanta emoção! hahaha 


6 - Qual seu casal preferido?

Violet e Tate na 1ª temporada; Zoe e Kyle na 3ª 




7 - Qual personagem tem o estilo mais parecido com o seu?

Acho que a Zoe Benson da 3ª temporada. Ela faz de tudo pra salvar o cara que ela gosta e não desiste dele mesmo quando ele não trata ela direito... Sei lá, acho que é o tipo de coisa que eu faria

8 - Você acompanha a vida de algum ator ou atriz da série?

Eu "acompanho" as novidades sobre a série, para saber quais atores da temporada anterior confirmaram participação na próxima. Mas a vida pessoal de cada um dos atores não acompanho não.

9 - Se pudesse escolher o final da série, qual seria?

NÃO TER FINAL! Continuar fazendo temporadas até não sobrar mais assunto! hahaha (mas eu gostaria de poder mudar o final da 2ª temporada!) [SEM SPOILER! hehe]

E aí, gosta de AHS? Qual a SUA séria favorita? Me conte nos comentários! ~Carol~

Favoritos de 2015

Uhuuul! Primeiro post oficial de 2016!!! E claro, tinha que ser meus FAVORITOS DE 2015! (PS. Fiz um post como esse ano passado também!)

Bom, mais uma vez, listarei os produtos que descobri/testei ano passado, me apaixonei e continuarei usando esse ano!

  • MAQUIAGEM 

Beauty Blender

Já expliquei um pouquiiinho sobre ela no post que fiz sobre pincéis de maquiagem, mas na época eu ainda não gostava tanto assim dela. Conforme fui usando corretivos líquidos com mais frequência, fui me apaixonando cada dia mais por essa esponjinha e hoje em dia não consigo ficar sem! Ela não absorve o produto como esponjas normais de maquiagem, e ainda deixa a pele com um acabamento impecável. Virei fã!



Paleta Tartelette - Tarte (Essa paleta apareceu na minha ultima wish list de sombras, inclusive!)

Pensem numa pelata maravilhosa por dentro e por fora, com cores lindas, neutras, pigmentadas e o principal: opacas! Eu simplesmente não consigo mais fazer uma make sem essa paleta! Ela incrivel! Superou todas as minhas expectativas (que por sinal, eram bem grandes, já que eu nunca desejei tanto uma paleta como desejei essa! haha)



Batom Velvet Teddy - MAC 

Esse é simplesmente o batom mais incrivel que eu já vi. Ele é matte, mas não é absurdamente seco, a ponto de ser dificil de aplicar; A cor dele é neutra mas dá pra ver que você está de batom; Dá para usar tanto de dia quanto de noite, para ir pra faculdade ou para uma festa... Enfim, ele é maravilhoso! Na minha opinião, ele é a definição da palavra "chic" e quando o meu acabar eu corro na MAC pra comprar outro no mesmo dia! hahaha



Collagen Mascara - L'oreal 

Não sei nem como definir esse rímel! Ele dá volume aos cílios, deixa cada fio bem encorpado, penteia e separa super bem... Sério, acho que é uma das melhores mascaras de cílios que eu tenho! Fora que ele é fácil de limpar quando borra e de tirar quando vou lavar a maquiagem, além de não escorrer e ter um tom de preto super intenso! Ele já estava na minha 'wish list' a um bom tempo, mas agora que vi o quão maravilhoso ele é, nunca mais vai sair da minha necessaire! haha



Kit Sobrancelha: Brow Fix Kit - Milani  + Pincél chanfrado - Real Techniques 

Essa resenha será de 2 produtos ao mesmo tempo porque desde que comprei os dois, tenho usado-os sempre juntos e obtido um ótimo resultado! O primeiro é o kit de sobrancelhas da Milani, que contém: uma sombra iluminadora, outras duas sombras opacas para preencher as sobrancelhas, um espelhinho, uma pinça pequena e 2 mini pincéis; um esponjinha e um chanfrado. Bom, depois de citar tudo que vem nesse kit de 7cm X 5,5cm nem preciso dizer mais nada, né?! Ele é perfeito para viagens e pra carregar na necessaire no dia a dia! Junto com ele, uso o pincél chanfrado da Real Techniques que é muuuito bom. As cerdas são macias, mas não ficam espalhando a sombra por toda parte, tem o formato e tamanho ideal para as sobrancelhas... Apenas sensacional!



Cover Everything Concealer - e.l.f

Bom, eu sou a louca do corretivo, e os corretivos coloridos (já fiz um post só sobre eles aqui no blog) vêm me conquistando cada dia mais! Esse amarelo da e.l.f principalmente, porque além de cumprir sua função que é neutralizar o roxo das minhas olheiras, ele é bem tranquilo de aplicar e não escorre nem craquela! Gostei muuuito dele!



  • CABELO:
Shampoo Johnson's Baby - Johnson & Johnson  

Ok, sinceramente, duvido que alguém não conheça esse shampoo pelo menos de vista, mas acredito que poucas pessoas saibam o quão incrivel ele é. Vamos começar com a função mais obvia dele: lavar o cabelo. Ele limpa MUITO BEM  o cabelo, deixando a raiz sequinha e macia, além de deixar um cheiro bem gostosinho (em relação ao cheiro, o meu favorito é o 'cabelos lisos' {laranja}, que tem mel e germe de trigo!)

Segunda função, um pouco menos óbvia mas bastante conhecida (até porque já falei sobre isso aqui no blog): lavar pincéis de maquiagem! Ele tem PH neutro, e por tanto, não estraga os pincéis.

Terceira função: Lavar a maquiagem da região dos olhos. Quem usa maquiagem todos os dias, como eu, sabe o quão horrivel é lavar a make pensando no desconforto dos olhos ardendo por causa do sabonete, então por que não lavar com shampoo de criança?! Não faz mal para pele, tira a maquiagem super bem e principalmente: NÃO ARDE OS OLHOS!

Obs.: Só lavo a make da região dos olhos com ele. No resto do rosto eu uso um sabonete facial específico para o meu tipo de pele!



Mascara hydra-repair da linha AgeDefy - Pantene Expert collection

Acho que já deu pra notar por posts anteriores que meu cabelo realmente se dá bem com os produtos da Pantene hehe... Enfim, vamos falar dessa mascara extraordinária! Ela tem uma consistencia um pouco mais grossa do que outras mascaras da marca, o que na minha opinião é um ponto positivo, porque eu sinto que hidrata mais o cabelo! Uso-a uma vez a cada 10 dias, mais ou menos, mas por ter um cheiro de-li-ci-o-so, tenho vontade de usar todos os dias! Aplico, deixo agir por alguns minutos e voilà! O cabelo fica macil, hidratado, brilhante e super cheiroso!




  • UNHA
Bonder Base Coat - Orly

Essa base ganhou meu coração logo no primeiro uso! Senti que ela deixou um efeito meio emborrachado na superfície da unha, o que faz com que o esmalte dure muuuito mais, e notei que ela deixou minhas unhas fortes (não como as bases da Sally Hansen, as quais eu sempre falo aqui no blog, mas suficientemente fortes!) Já tenho até planos de comprar outro vidrinho para deixar de backup! hehe






  • MÚSICA 

This Summer's Gonna Hurt Like a Motherfucker - Maroon 5

Talvez essa não tenha sido a música que ficou no 'repeat' por mais tempo no meu iPod, mas com certeza foi a que eu mais senti vontade de ouvir. Ligava o PC ou o iPod e já ia seca nela desde que a conheci. Marcou meu 2015 de várias maneiras, além de eu me identificar muito com a letra dela e ser LOUCA pelo clipe!




  • APP
Alguém chuta meu app do ano?!?! hahaha

Gente, já estou até com vergonha de falar do snapchat aqui no blog, mas é que ele realmente é minha rede social favorita de todos os tempos! Sinto que foi feita pensando em pessoas como eu (que amam fotos e não tem saco para a monotonia do facebook!) 

Enfim, se você também curte, dá uma olhadinha no post que eu fiz falando vaaárias coisas legais exclusivamente sobre ele!




  • SÉRIE
How to get away with murder

Não foi a única que amei esse ano, mas com certeza foi a que eu assisti mais rápido e fiquei mais curiosa para a temporada seguinte! Não sou do tipo que assiste séries quando não estou de férias por motivos de: gosto de assistir de madrugada e nunca consigo assistir só 1 ou 2 episodios! Apesar disso, essa eu assisti em 1 semana de aula um pouco mais tranquila! Valeu cada minuto a menos de sono! hahaha 

"How to Get way with Murder segue a vida pessoal e profissional de Annalise Keating, uma professora de Direito Penal da fictícia Universidade de Middleton, na Filadélfia, uma das mais prestigiadas Escolas de Advocacia na América. Uma advogada de defesa, Annalise seleciona um grupo dos seus melhores alunos em sua turma da universidade para trabalhar em seu escritório. São eles: Connor Walsh, Michaela Pratt, Asher Millstone, Laurel Castillo e Wes Gibbins.


Em sua vida pessoal, Annalise vive com seu marido Sam Keating, um renomado psicólogo, mas também vive um relacionamento às escondidas com Nate Lahey, um detetive local. Quando sua vida pessoal e profissional começar a entrar em colapso, Annalise e seus alunos se verão envolvidos, involuntariamente, em uma trama de assassinato."

  • LIVRO 
Como eu era antes de você - Jojo Moyes

Gente, eu nem sei como descrever esse livro! Ele é lindo! tipo muito! Te faz rir, chorar, amar e odiar os personagens ao mesmo tempo... Ai... mal posso esperar para o lançamento da continuação e principalmente: PELO LANÇAMENTO DO FILME! Recomendo fortemente para quem curte drama e romance!

Beijo para minha amiga Bella que me apresentou (e me emprestou) esse livro!


"Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe.

Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro."


Bom gente, acho que foi isso! Tentei falar um pouco sobre todos os assuntos que abordamos aqui no blog para agradar gregos e romanos! Me contem também se vocês gostam (ou desgostam) de alguma dessas coisas nos comentários! ~Carol~

Frase do Dia

Um brinde aos recomeços que nos permitem escolher novos caminhos e novos fins!
 
Feliz 2016, galera! ~Carol e Dan~


{01.01.2016}